Domingo perfeito… sim…

| 4 Comentários

Almoço na casa do Seu Mário é garantia de abstinência de jantar e de café da manhã. Passo o dia como um zumbi, empanzinado. Por que cozinham tão bem lá?

Domingo ouvindo DDE, Leia e Livet…

Domingo com Kari, tomando sorvete (eu não, que eu tava empanzinado).

Domingo assistindo Lost… Estou viciado. Sim, eu sei que tá tarde pra viciar em Lost, mas viciei.

Domingo fazendo as pazes comigo e com o mundo.

Domingo sem uma segunda-feira típica me esperando, como todo domingo deveria ser…

Domingo com um AKG no ouvido e DDE tocando feito um louco, com o dialeto maluco de Trondheim…

Domingo finalmente cumprindo a promessa de ficar mais próximo dos que me dão tanto carinho…

Domingo sabendo que a bacaninha-operária-foliã virá… 😀 😀 😀

Domingo voltando a mexer com o Linux… Mexendo com o Ubunto e Paldo.

Domingo acordando injuriado porque o retrovisor do carro estava pendurado ao bólido, me trazendo recordações dos primeiros dias de volante, onde sempre batia na garagem. Acho que tentaram roubar meu retrovisor. Mas, como esse é o domingo perfeito, meu irmão conseguiu colocar no lugar.

Domingo indo pra um supermercado comprar alface, e ouvir do dono que lembra de mim criança. Veja…
Só faltou tirar fotos. Esse domingo deveria ir pro mural…

Autor: oculos

the guy who writes here... :D

4 Comments

  1. Lost é como o bolinho de bacalhau do souza: é o que há! 🙂

    Compramos um ipod!! Camilinha troxe prá gente 30 gb de muita música! E o melhor, tá valendo uns 1500 aqui e eu só paguei 700 conto no bicho!

    Saudades de vc… te espero até agora para o carnaval… promessas, promessas… 🙁

  2. Cauzinha, meu docinho..
    Minha intencao era ter ido, mas despesas de ultima hora me impediram de faze-lo. Minha proxima viagem depois de BH com certeza sera para sua casa!!
    Beijos mis, e pra minha sobrinha linda tb! 😀

  3. Próxima viagem DEPOIS de BH??????

    promesas, promessas…

  4. Esta operária-foliã (aaai, eu admiti que me diverti com o Chiclete!) ainda está em busca de uma SuperNanny para a Oompa Loompa (Helena não é uma criança: tem 35 anos e é anã) de quase sete dentes.
    O tal do whisky só rolou quase meia noite, e com o bar do camarote fechado. *Sigh*

    Beijo!

Deixe um comentário...

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: