Candies

| 4 Comentários

Da série “Futilidades do Mané Blog”:

Conheci uma balinha bem sem-terma (Prima, vc que é adepta das balinhas, cheque essa):
Chama-se a infeliz “Hollander Cream”, de uma empresa chamada Boavistense. É boa bala, não é enjoada, e os sabores são bem autênticos. Já vi de coco, leite condensado e chocolate, mas uma amiga disse que tem de outros sabores. Ontem levei algumas pro curso pra fazer teste de marketing (eu devia ser pago pra fazer essas coisas), e todo mundo pareceu gostar muito.

Vejam vocês que a arte da boa bala deveria ser comparada à arte de apreciação do vinho. Esta última adquire ares pernósticos, mas o primeiro parece ser coisa de mané. Injusto isso. Há balas que tem todo um conjunto, toda uma riqueza, e que merecem a degustação. Exemplos de balas assim:
– a já citada Hollander Cream
– as balas-drops Alpenliebe, que nunca mais vi em Conquista;
– as Dai’m, que acho que são bombons,
– as Butter Toffe de menta e chocolate da Arcor;
– a bala de leite Kid’s (ainda existe?);
– aquela balinha com papel dourado e vermelho, de chocolate;
– as balas 7Belo.

Meditem nisso e me contem depois, que eu vou almoçar agora.

Autor: oculos

the guy who writes here... :D

4 Comments

  1. Oi neguim….
    A tirar pelas balas citadas, creio que temos gosto parecido… Não gosto dessas de menta ardida não… Tirando pro leite ou chocolate é que é baum….
    😉

    Tá fazendo curso de quê ???

    Cheiro,
    Cams

  2. Rapaz, como vc pediu, meditei sobre o assunto. Tem umas balinhas que estão na moda agora, umas apimentadas fortíssimas cujos nomes eu esqueci – tem uma que traz, no papel, algo do tipo: “aguenta que a recompensa vem depois”. Ou seja, vc põe a bala na boca e aguenta a queimação, e depois saboreia a doçura da dita cuja. E o pior é que é verdade, a balinha arde pacas no começo mas depois fica doce.
    Believe if you can.
    Best wishes!

  3. Cam’s,

    As de menta que eu falo são fraquinhas, porque são, na verdade, de chocolate, com um leve sabor de menta. São fantásticas!
    Tô fazendo curso preparatório pra concursos! 🙂

    Johnny’s,
    Provei dessa bala sem-terma! :)) Bacana mesmo, agora desisti delas depois do almoço, nunca sei quando a bicha é almoço ou sobremesa… eheheh

  4. Gente, esqueci das balas Sugus, da infância, e das balas Soft!!!

Deixe um comentário...

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: